Sexta, 16 de Abril de 2021 11:47
42988489296
Pecuária PEIXE

COCARI: Comitiva de Alvorada do Sul realiza visita à cooperativa para tratar de projeto de integração à piscicultura

Para a Cocari, o projeto permite que seja realizada mais uma atividade em intercooperação com a Cooperativa Central Aurora Alimentos e ainda fomentará a produção de ração por nossa Fábrica, que fornecerá a nutrição dos peixes.

07/04/2021 21h38
271
Por: Redação
 A iniciativa será desenvolvida em intercooperação com a Cooperativa Central Aurora Alimentos e em parceria com a prefeitura do município.
A iniciativa será desenvolvida em intercooperação com a Cooperativa Central Aurora Alimentos e em parceria com a prefeitura do município.

Na última semana, a Cocari anunciou o investimento realizado no município de Alvorada do Sul-PR, para iniciar o projeto de integração à piscicultura, que consiste na engorda, abate e comercialização de filés de tilápia, com o objetivo de oferecer diversificação de renda aos cooperados. A iniciativa será desenvolvida em intercooperação com a Cooperativa Central Aurora Alimentos e em parceria com a prefeitura do município.

 

Integrantes da comitiva - Uma comitiva formada por representantes da prefeitura visitou a Sede da Cocari e a Fábrica de Rações em Mandaguari-PR, na última terça-feira (06). Integraram a comitiva o prefeito de Alvorada do Sul, Marcos Antonio Voltarelli; o vice-prefeito, Luis Garcia; o secretário de Obras e Edificações, André Luiz Debiasio; e o secretário de Aquicultura, Pesca e Abastecimento, Valteir Aparecido Bazzoni.

 

Desenvolvimento local - Na ocasião, o presidente da cooperativa, Dr. Marcos A. Trintinalha, comentou sobre o novo projeto da Cocari. “Começamos este trabalho há algum tempo e agora poderemos colocar em operação o abatedouro disponível em Alvorada do Sul. Além de beneficiar o município com a geração de recursos e empregos, com esse projeto, viabilizamos uma iniciativa que integra também os planos do governo do estado do Paraná”, destacou.

 

Fomento para a cooperativa - Trintinalha deu detalhes sobre como o projeto poderá beneficiar a cooperativa e seus associados. “Para a Cocari, o projeto permite que seja realizada mais uma atividade em intercooperação com a Cooperativa Central Aurora Alimentos e ainda fomentará a produção de ração por nossa Fábrica, que fornecerá a nutrição dos peixes. Além disso, dentro do sistema de produção, haverá maior demanda por soja e milho, o que promoverá mais um incentivo à produção de nossos cooperados. Nossa perspectiva é de que em janeiro de 2022 possamos contar com o peixe abatido na planta da Cocari e processado pela Aurora Alimentos para ser disponibilizado ao mercado”, disse.

 

Opção de renda - Com isso, a cooperativa inaugura outra frente para que os produtores rurais possam agregar valor às suas propriedades. “Pequenos, médios e grandes produtores interessados que tiverem reservatórios de água em suas propriedades já podem entrar em contato com o Setor de Pesca da cooperativa ou com os gerentes das unidades para iniciarem esse projeto conosco”, convidou.

 

Agradecimentos - O presidente agradeceu os envolvidos na viabilização deste trabalho. “Agradecemos ao prefeito Marcos Antonio Voltarelli pela confiança em ingressar nessa parceria conosco. Ao governo estadual, representado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior e pelo secretário Norberto Ortigara, que não tem medido esforços para que isso fosse realizado. Também ao Conselho de Administração da Cocari, que autorizou esse empreendimento; ao Conselho Estratégico, com o qual esse projeto foi tratado; e aos colaboradores, que estão trabalhando para o desenvolvimento da cooperativa em mais essa atividade”, destacou.

 

Projetos socioambientais - O vice-presidente da Cocari, João Carlos Obici, lembrou que, por estar inserida no sistema cooperativista, a Cocari poderá trazer desenvolvimento social às comunidades da região. “A Cocari conta com diversos projetos socioambientais que poderão ser estendidos à região de Alvorada do Sul, contribuindo com a comunidade local a partir dessas iniciativas também”, pontuou.

 

Fomento à economia estadual - O secretário da Agricultura e do Abastecimento no Paraná, Norberto Ortigara, fez menção ao empreendimento e destacou o benefício trazido à economia do estado. “Mais um impulso para a expansão da piscicultura no Paraná, que já é líder nacional. Produzimos 172.000 toneladas em 2020 (21,4% do total brasileiro), sendo 166.000 toneladas de tilápia. Sempre pensamos na expansão na região norte. O município de Alvorada do Sul concedeu seu frigorífico à Cocari, cooperativa de Mandaguari, para a produção de tilápia em tanque escavado ou tanque-rede no rio Paranapanema. Essa proteína ganha em eficiência e contribui para a renda dos agricultores. Parabéns a todos”, escreveu em sua página do Facebook.

 

Demanda em Alvorada do Sul e região - Em visita à Cocari, o prefeito de Alvorada do Sul, Marcos Antonio Voltarelli, comentou sobre a parceria estabelecida. “É uma satisfação muito grande conhecer as dependências da cooperativa. Esta parceria é a realização de um sonho que se iniciou em 2005, viabilizando não só o processamento do filé de peixe, mas também o fomento à produção. Depois de tantos anos, conseguimos estabelecer parceria com uma empresa do porte e da seriedade da Cocari. É um marco histórico que celebra essa intenção antiga de fomentar a produção de peixes no norte do Paraná”, avaliou.

 

Permanência no campo - Voltarelli falou também sobre os impactos dessa iniciativa no município. “A geração de empregos e de impostos é muito importante para o município, em que a maioria dos produtores rurais tem pequenas propriedades, mas o ponto principal dentro dessa parceria será beneficiar esses produtores com mais uma opção de receita para suas famílias, viabilizando a sua permanência no campo”, destacou.

 

Participação da cooperativa - A Cocari fornecerá os peixes, a ração produzida na Fábrica da cooperativa e a assistência técnica especializada. A despesca, que é o processo de retirar os peixes dos viveiros, também ficará sob a responsabilidade da Cocari.

 

Pré-requisitos - Inicialmente, as propriedades participantes estarão delimitadas em um raio de 100 km a partir da Fábrica de Rações Cocari, em Mandaguari. Os pré-requisitos necessários para participação no programa são:

 

- Área propícia para construção de tanques escavados, de 50 por 100 metros (5 mil m² de lâmina d’água);

- Vazão de, no mínimo, 15 m³ d’água por hora;

- Rede elétrica trifásica, de preferência;

- Estrada de acesso adequada.

 

Fale com a Cocari - Os produtores rurais interessados podem entrar em contato com o setor de fomento de peixes, agendando uma visita para que seja realizado um estudo de implantação do projeto em sua propriedade. Telefone: (44) 3233-8700

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Castro - PR
Atualizado às 11h45 - Fonte: Climatempo
22°
Muitas nuvens

Mín. 13° Máx. 25°

22° Sensação
13 km/h Vento
61.3% Umidade do ar
67% (20mm) Chance de chuva
Amanhã (17/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 24°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Domingo (18/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 22°

Sol com muitas nuvens e chuva
Ele1 - Criar site de notícias