Quarta, 24 de Julho de 2024
22°

Parcialmente nublado

Castro, PR

Política SEMANA DECISIVA

Em semana decisiva, FPA debate Reforma Tributária e Plano Safra 2024/2025

A expectativa da bancada é que o texto da reforma tributária atenda às principais demandas do setor

02/07/2024 às 17h37
Por: Redação Fonte: FPA
Compartilhe:
Em semana decisiva, FPA debate Reforma Tributária e Plano Safra 2024/2025

A Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) se reuniu nesta terça-feira (02) para analisar as últimas demandas da regulamentação da Reforma Tributária, em uma semana de esforço concentrado para análise da matéria na Câmara dos Deputados. A previsão é que o Grupo de Trabalho apresente o texto ainda nesta semana ao presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL).

O presidente da bancada, deputado Pedro Lupion (PP-PR), destacou que a FPA apresentou vários pontos que impactam o setor produtivo e realizou diversas reuniões com o grupo de trabalho. “Amanhã temos mais conversas. Estamos tentando garantir que, posteriormente, não haja necessidade de reações, que no texto do grupo de trabalho já estejam contemplados os nossos pleitos. É uma negociação extremamente intensa quanto ao cooperativismo, aos insumos agropecuários e à tributação do produtor, além da composição da cesta básica.”

Lupion ressaltou que estão aguardando o texto para avaliar o conteúdo e entender o que ainda precisa ser modificado. “Teremos os artifícios regimentais para reagir a qualquer ponto negativo ao nosso setor. Lembrando que somos uma frente parlamentar organizada, com bastante voto, e colocamos questões primordiais ali. Há pontos dos quais não abrimos mão. Ou a FPA está junto, ou não está. As negociações estão em um nível bem alto para que possamos avançar”, concluiu Lupion.

Continua após a publicidade
Anúncio

Para o deputado Afonso Hamm (PP-RS), a carga tributária atual é absurda. “Estamos vendo nesta reforma uma oportunidade de sermos mais competitivos. É uma chance de diminuir essa carga. Vamos esperar o que pode vir do grupo de trabalho.”

Continua após a publicidade
Anúncio

“Destaco alguns pontos que não podemos perder e que são inegociáveis. O que não estiver bom precisa ser readequado, pois não podemos retroceder. A solução está em firmarmos uma boa defesa”, afirmou o deputado Domingos Sávio (PL-MG).

Plano Safra 2024/2025

Na ocasião, os parlamentares também trataram do Plano Safra 2024/2025, que está previsto para ser lançado nesta quarta-feira (03). O deputado Pedro Lupion ressaltou que a bancada vai aguardar o anúncio oficial para conhecer os números e, assim, tomar um posicionamento.

“Deixamos claro que esta frente parlamentar não está aqui apenas para criticar. Quando algo for correto e positivo, vamos aplaudir. Então, é óbvio que, se aumentar o volume, se aumentar a equalização, se conseguir diminuir os juros, vamos aplaudir. Agora, não vamos aceitar juros altos e a ausência de seguro. Queremos um Plano Safra que efetivamente seja plausível e necessário para atender o setor,” disse.

Importação do Arroz

Durante a reunião, o presidente da FPA também falou sobre a insistência em realizar um leilão para a importação do grão. “Estão insistindo nessa compra de arroz e nós continuamos dizendo que isso não beneficia nem o produtor nem o mercado,” afirmou Lupion.

Ele1 - Criar site de notícias