Sábado, 15 de Junho de 2024
13°

Tempo limpo

Castro, PR

Geral NOVO MANDATO

Eleições do Sindicato Rural de Tibagi: Nova Diretoria Comprometida com Inclusão de Jovens e Mulheres na Gestão 2024-2027

Maurício Chizini Barreto é reeleito presidente com 100% dos votos e destaca a importância da participação feminina e jovem nas ações sindicais

03/06/2024 às 15h50
Por: Redação
Compartilhe:
A nova diretoria do Sindicato Rural Patronal de Tibagi assume com o compromisso de aumentar a participação de jovens e mulheres, fortalecendo a representatividade e a defesa das pautas do agronegócio.
A nova diretoria do Sindicato Rural Patronal de Tibagi assume com o compromisso de aumentar a participação de jovens e mulheres, fortalecendo a representatividade e a defesa das pautas do agronegócio.

No último dia 28 de maio, o Sindicato Rural Patronal de Tibagi realizou eleições para definir a nova diretoria e conselho fiscal para a gestão 2024-2027. Com apenas uma chapa inscrita, liderada pelo atual presidente Maurício Chizini Barreto, a eleição foi marcada pela unanimidade, com Barreto recebendo 100% dos votos.

Maurício Chizini Barreto, que assume seu segundo mandato, destacou a importância de aumentar a representatividade sindical e reforçar a defesa das pautas do agronegócio. “Agradeço a todos por novamente confiar em meu trabalho. Pretendo neste segundo mandato aumentar a participação das mulheres e trazer os jovens para participarem das ações sindicais. Que Deus abençoe a cada um e vamos juntos lutar pela família rural e melhorar a cada dia a vida e o trabalho de quem mora na Zona Rural de nosso município. Juntos poderemos dar muitos e bons resultados”, afirmou Barreto.

A nova diretoria, eleita para o triênio 2024-2027, é composta por Maurício Chizini Barreto como presidente, Fabiano Carneiro de Oliveira como vice-presidente, Maurício César do Vale Gomes como secretário, Guilherme Frederico de Geus como tesoureiro, além dos diretores suplentes Agérico Anibal Prestes, Lilian Taques Fonseca Buzato, e Dick Carlos de Geus Sobrinho. O conselho fiscal é formado por Denir Castorino da Costa, Eliza Myuki Sakaziri Hiroka e Adauto José Carneiro Prestes, com os suplentes Guilherme Frederico de Geus Filho, Fabio de Jesus Torres de Oliveira e Diego de Souza Martins.

Continua após a publicidade
Anúncio

Barreto enfatizou que uma das prioridades de sua nova gestão será a inclusão de jovens e mulheres nas ações sindicais. “É fundamental que as novas gerações se envolvam e contribuam com novas ideias e perspectivas. A participação feminina também é essencial para diversificarmos as abordagens e fortalecermos o movimento sindical como um todo”, destacou.

A vice-presidência, sob a responsabilidade de Fabiano Carneiro de Oliveira, também está alinhada com os objetivos traçados por Barreto. Oliveira, que já possui uma trajetória sólida dentro do sindicato, mencionou o desafio de manter a união da classe rural e continuar avançando nas conquistas. “Nosso compromisso é com todos os associados. Queremos garantir que a voz de cada membro seja ouvida e que suas necessidades sejam atendidas. Vamos trabalhar para que o sindicato continue sendo uma referência de apoio e desenvolvimento para a zona rural de Tibagi”, afirmou Oliveira.

Continua após a publicidade
Anúncio

O secretário Maurício César do Vale Gomes ressaltou a importância da transparência e da comunicação eficaz entre a diretoria e os associados. “A comunicação é a base para qualquer organização de sucesso. Precisamos garantir que todos os nossos associados estejam bem informados sobre as ações e projetos do sindicato. A transparência é essencial para manter a confiança e o engajamento de todos”, disse Gomes.

Guilherme Frederico de Geus, responsável pela tesouraria, destacou a importância da gestão financeira responsável para garantir a sustentabilidade do sindicato. “Uma gestão financeira eficiente é crucial para que possamos investir em projetos que realmente façam a diferença para nossos associados. Vamos trabalhar para otimizar nossos recursos e assegurar que cada centavo seja bem aplicado”, afirmou De Geus.

O envolvimento dos diretores suplentes e dos conselheiros fiscais também foi destacado como um fator essencial para a eficácia da nova gestão. Agérico Anibal Prestes, Lilian Taques Fonseca Buzato e Dick Carlos de Geus Sobrinho, como diretores suplentes, assumem a responsabilidade de apoiar a diretoria principal e contribuir com suas experiências e conhecimentos. Já Denir Castorino da Costa, Eliza Myuki Sakaziri Hiroka e Adauto José Carneiro Prestes, juntamente com os suplentes Guilherme Frederico de Geus Filho, Fabio de Jesus Torres de Oliveira e Diego de Souza Martins, têm a função de fiscalizar e garantir a correta aplicação dos recursos e das políticas sindicais.

Com a nova diretoria empossada, o Sindicato Rural Patronal de Tibagi inicia uma nova fase, focada na inclusão e no fortalecimento das ações sindicais. A gestão 2024-2027 promete ser marcada por uma abordagem mais inclusiva, onde jovens e mulheres terão um papel de destaque. Essa renovação é vista como fundamental para garantir a continuidade e a evolução das conquistas alcançadas até aqui.

Barreto, em suas palavras finais, reafirmou seu compromisso com a classe rural e expressou otimismo quanto ao futuro do sindicato. “Estamos preparados para enfrentar os desafios e aproveitar as oportunidades que surgirem. Acreditamos na força da união e no potencial de cada um dos nossos associados. Juntos, faremos a diferença e construiremos um futuro ainda mais próspero para a zona rural de Tibagi”, concluiu.

Com a nova gestão tomando posse, o Sindicato Rural Patronal de Tibagi se prepara para um período de transformações e avanços. A expectativa é que a inclusão de jovens e mulheres traga uma nova dinâmica ao sindicato, fortalecendo ainda mais a representatividade e a defesa das pautas do agronegócio.

 

Ele1 - Criar site de notícias